domingo, 8 de janeiro de 2012

Belém, 400 anos - Traços, tinta e papel revelam a capital do Grão-Pará no último quartel do século XIX

Tenda para venda de açaí
Estrada de São José, atual Av. 16 de Novembro
Loja de venda de animais

As Lavadeiras - Pará. Seriam escravas?
O Theatro da Paz , Pará, com suas linhas originais
O cais do Porto, na Doca do Ver-O-Peso, décadas antes da construção do Mercado de Ferro

Fonte: Gravuras: Brazil: The Amazon and the coast, de Herbet H. Smith. Charles Scribners Sons, New York, 1879. Coleção de Apparecido Jannir Salatini

3 comentários:

  1. Esta é a nossa terra que precisa ser mais amada pelos seus politicos e a sociedade paraense.
    Professora Beth Carvalho.

    ResponderExcluir